Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Simplesmente Simples

Simplesmente Simples

De Que Falam as Pessoas?

35227266_1910901352274521_110874713890226176_n.jpg

 

Tantas vezes me julguei erradamente baseada na opinião do outro. Tantas vezes chorei porque alguém proferiu algo que me magoou, sendo contra aquilo que eu pensava ser a minha pessoa. Tantas outras vezes deixei que a opinião do outro me moldasse de alguma forma, até inconscientemente.

 

Como lidas com as palavras do outro?

Como filtras a opinião alheia?

 

Toda a opinião é importante, pois com ela podemos obter feedback e poderemos através de uma visão externa a nós, mais facilmente objectivarmos o que podemos mudar para melhorar os nossos resultados. Contudo, toda a opinião pode ser construtiva ou destrutiva e depende também de nós retirarmos só o que nos interessa. Devemos então filtrar toda e qualquer opinião externa, isso é realmente fundamental.

 

Nesse intuito adoptei na minha vida um novo mantra bastante possibilitador: “As pessoas falam delas próprias.”.

Esta afirmação permite muito mais facilmente uma libertação do que eu sou e do que é a opinião alheia. E repara, as pessoas opinam consoante o que vai na sua própria cabeça e no seu próprio processo, por isso quando alguém fala logicamente fala de si próprio!  

 

Talvez inicialmente esta afirmação não te faça sentido, talvez até te questiones qual a importância e o que poderá trazer de benéfico para a tua vida. Mas lanço-te hoje mesmo o desafio, experimenta utilizar esta afirmação durante a próxima semana, presta atenção à tua forma de pensar e de que forma essa afirmação mudará algo.

 

Se fizermos sempre o mesmo caminho o resultado será sempre o mesmo, certo?

Então experimenta algo diferente e leva este mantra contigo ;)

 

 

Faz Por Ti!

34700765_1902777509753572_5485639115007328256_n.jp

 

O que já fizeste hoje por ti?

 

O que já fizeste hoje que deixou a tua alma feliz?

 

Tão importante como nutrir o corpo devemos nutrir a nossa alma.

Eu gosto de meditar, respirar fundo e conectar-me com o meu eu. E tu, o que gostas de fazer que te preenche a alma e nutre o coração?

 

Se ainda não o fizeste hoje, fá-lo! Por ti! Não porque a sociedade incute nem porque o teu marido vai ficar feliz se o fizeres, fá-lo por ti, pelo teu bem-estar e felicidade!

 

Tenta encontrar no teu dia, todos os dias, o momento ideal para isso. Não tem de ser obrigatoriamente 30min nem 1h, bastam 5/10min. Acredita que 5 min de qualidade só contigo podem fazer toda a diferença no teu dia e na tua vida! E o que são 5min dentro de 24h? E o que são 5min numa vida inteira?

 

Sim, o trabalho interno é diário. Sim, as rotinas são diárias.

Tudo se vai enraizando, mas depende de nós diariamente escolher o que queremos para nós. Não ontem, nem amanhã, mas hoje! O que podes fazer hoje para te sentir melhor?

Panquecas de Abóbora

34963433_1905074566190533_4831028615254638592_n.jp

 

Hoje trago-vos panquecas com um ingrediente especial: abóbora menina.

Estão a ver aqueles sonhos de Natal com sabor à abóbora? Agora imaginem panquecas com o mesmo sabor. É isso mesmo, e para não criarem mais água na boca aqui vai a receita ;)

 

Ingredientes:

// 100g de abóbora menina 

// 100ml de água

// 5 colheres de sopa de flocos de aveia sem glúten

// 2 ovos

// 1 colher de sopa de psyllium husk

// canela q.b.

 

Preparação:

Coloca todos os ingredientes na liquidificadora e bate até obter uma mistura homogénea.

Coloca pequenas quantidades numa frigideira antiaderente em lume brando até fritar de um lado.

Vira a panqueca do lado oposto até fritar.

 

Bom apetite!

Hoje, Quem Decides Ser?

livtro.jpg

 

Olha para dentro, recorda a tua essência.

 

Tu não és o teu passado nem o teu futuro. Tu és o que és neste momento. Porque só este momento te pertence.

 

Não és a história dos teus pais, nem és aquilo que traçaram e delinearam  para ti! Tu és o livro em branco que decidires escrever!

 

Tu não és os teus erros!

 

Só tu escolhes como te sentir em cada momento, só tu defines como queres dar cada passo. Só tu tens o poder!

 

E se a cada momento pudesses partir do zero?

 

E se a cada instante pudesses definir quem és e o que queres?

 

Como quererias dar o próximo passo?

Progressão Constante

34716281_1902755513089105_344182847851986944_n.jpg

 

Progresso, o que significa esta palavra para ti?


Consideras-te uma pessoa que progride facilmente? 

Ou és daquelas pessoas que reclamam que nada progride, que a vida não progride?

Para mim progresso é tudo e é nada! Progresso não é palpável, mas talvez seja imaginável. Progressão não é um caminho, progresso é o caminho!

Se pensares na pessoa que eras há um mês atrás, és a mesma pessoa? Pensas de igual forma? Lidas com as situações de igual forma? Os teus relacionamentos estão exactamente iguais?

Para mim a progressão é omnipresente. Quer queiras quer não, quer acredites ou não , de facto estamos sempre a progredir!

Resta saber, em que sentido vai a tua progressão? Estás mais perto da pessoa que queres ser e da vida que gostarias, ou do sentido inverso?
Aí remete-se a uma reflexão interior e só tu poderás fazê-la. Mas o certo, é que estamos em constante progressão.

O simples facto do relógio andar e o tempo não parar é progressão.

O caminho faz-se caminhando, mas independentemente do sentido, a progressão estará sempre lá. Inevitavelmente a progressão estará sempre ao teu lado ao longo de toda a tua vida!

Se assim é, fará sentido a ânsia que tantas vezes vivemos pelo desejo de progressão?

Será saudável e benéfico para ti viveres em constante procura de progresso?

Panquecas de Amendoim

34830142_1902756173089039_5024245918157766656_n.jp34706095_1902756129755710_7129257390481866752_n.jp

 

 

 

 

Digam lá que não tinham saudades de uma receitinha de panquecas? Eu já tinha saudades!

Hoje trago uma receita de panquecas de amendoim. Eu realizei uma mega panqueca, mas podes utilizar a receita para panquecas mais pequenas. Curiosos? Experimentem, são óptimas!

 

Ingredientes:

// 1 banana

// 2 ovos

// 3 colheres de sopa de farinha de amendoim

// canela q.b.

 

Preparação:

Esmaga a banana e junta aos ovos previamente batidos. Mistura tudo até obteres uma mistura homogénea.

Adiciona a farinha e a canela ao preparado anterior e mistura tudo.

Coloca a massa numa frigideira antiaderente em lume brando até fritar de um lado.

Vira a panqueca do lado oposto até fritar.

 

Serve com o que mais gostares e delicia-te!

Dia Mundial do Ambiente

34642278_1902809866417003_3405926988626526208_n.jp

 

No passado dia 5 de Junho celebrou-se o dia mundial do meio ambiente, e claro, não podia deixar passar esta data em branco.

Trago-te hoje alguns pontos que considero fundamentais para cuidares do teu jardim:

 

1-Retira todas e quaisquer ervas daninhas (pessoas tóxicas)

As ervas daninhas adoram plantar-se no teu jardim e de certa forma impedir que flores bonitas, que por ventura darão frutos, floresçam no teu jardim. Ocupa, assim, algum do teu tempo e dedica-te às ervas daninhas. Se não te permitem florescer com todo o teu esplendor não te fazem falta. Identifica-as e excluías do teu jardim. Rodeia-te de flores lindas que te permitam mostrar o teu brilho.

 

2-Rega frequentemente o teu jardim

É importante regares o teu jardim diariamente. Somente uma rega diária (actos diários) fará com que toda a cor vibre com todo o seu esplendor. Cada flor e cada árvore merece ser regada, tal como todas as relações, inclusive a tua relação contigo própria.

 

3-Contempla frequentemente a beleza do teu jardim

Dedica algum do teu tempo à contemplação do teu jardim. É importante contemplares a beleza que todo o teu jardim emana, desde a bela flor, até à erva com algum defeito. Todos fazem parte do teu jardim e todos permitem que a sua essência perdure ao longo dos tempos. Sente-te agradecida por essa beleza.

 

4-Aguarda e recebe pacientemente e com compaixão todas as épocas correspondentes às estações  

Tudo surge no tempo certo e quando o solo está previamente preparado e fértil. Assim é na vida, tudo acontece quando o tempo certo chegar. Portanto, vive e sente cada época e cada estação com a devida importância, pois todas são parte de um todo, que é a beleza do jardim e do caminho.

 

5- Fertiliza a terra

Apesar de esperares e víveres com compaixão todas as épocas, vai fertilizando a terra, para quando a época chegar todo o terreno estar preparado para o que se avizinha.

A Bola às Riscas

 

Venho hoje fazer-te duas questões, tão importantes e tão básicas:

Quem és tu? Se te descrevesses enquanto pessoa que palavras utilizarias?

 

Talvez acredites que és o teu emprego e o que fazes diariamente, talvez acredites que és o que sempre te disseram que eras, talvez sejas aquilo que gostas ou não de fazer, talvez sejas o que conquistas ou não, talvez até te definas como as tuas qualidades…

 

E se, tu fosses somente um conjunto de crenças em que escolheste acreditar? E se não fosses nada e pudesses estar tudo?

 

Era uma vez uma bola às riscas. Mas esta bola sentia-se tremendamente triste e deprimida, pois todas as outras bolas pareciam mágicas, o seu efeito era o do arco-íris, não eram simples riscas.

A bola, na sua vida triste, passava todo o tempo quieta a observar as suas amigas bolas brincar, pois elas eram tão belas que a sua contemplação era o que a distraia do facto de ela ser diferente.

Os dias passavam e a tristeza da bola era cada vez maior. Pois também ela queria ser bela como as suas amigas.

Certo dia o inesperado aconteceu, um tremor de terra fez com que tudo se move-se e as bolas rodavam e rodopiavam sem controlo do seu movimento. Nisto, a bola triste olhou de relance ao espelho, que ao tremer acabara por quebrar, e observou o seu reflexo. E só nesse momento a bola tomou consciência de que também ela era uma bola arco-íris.

 

 

Preocupaste Demasiado?

Pré-ocupação

Reconheces esta palavra?

 

E se for assim: preocupação?

 

A preocupação nada mais é do que uma pré-ocupação. Vai acontecer algo e tu pré-ocupaste a pensar em como será, no que irá acontecer.

 

De que serve esta pré-ocupação? Nada!

 

Quem diz que te deves pré-ocupar porque vai acontecer determinada coisa?

 

Só tu podes determinar como te queres sentir perante seja o que for. Terá utilidade ocupares o  tempo do teu tempo com algo que ainda não chegou?  

E Tu, Acreditas?

O menino João tinha um problema, ele não acreditava. Em conversa com a mãe lamentava-se:

-Mama, eu não acredito em nada e os meus colegas estão sempre a gozar comigo porque não acredito.

Ao que a mãe responde: - Oh querido, mas não acreditas no quê, mais especificamente?

- Mama, eu não acredito no pai natal, sei que não existe. Não acredito que seja capaz de quando crescer ser bombeiro, como eu gostava, não acredito que o Manuel consiga ser futebolista, não acredito que a Maria possa ser médica… Mama, não acredito em nada.

Assim, a mãe questiona o João: -Filho e como sabes que não acreditas?

-Mama, eu acredito que não acredito!

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D