Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Simplesmente Simples

Simplesmente Simples

Energias Negativas: Como Me Proteger?

IMG_0201.png

Na minha vida durante muito tempo acreditei que as energias e pessoas que me rodeavam poderiam “contaminar” a minha energia. Acreditava que o meu estado de espírito era o resultado de cada interação pessoal e os ambientes que frequentava ao longo do dia. Tentei, de várias formas, proteger-me de más energias e de pessoas tóxicas. Cheguei a apegar-me a cristais, amuletos e rituais que, segundo alguém, me protegiam dessas energias menos positivas.

Mas será esse apego saudável?

E se por algum motivo, o cristal se partir, ou o tempo do relógio não me permitir realizar o ritual?

 

É recorrente ler aqui e ali, nomeadamente nas redes sociais, inúmeras pessoas perguntarem como se proteger. Lê-se frequentemente: “Lido com ambientes pesados e pessoas tóxicas, como me posso proteger? Como posso limpar a minha energia?”

 

Ao longo do tempo e aprendizagens a minha forma de abordagem desse assunto mudou de certa forma.

Acredito que a intenção (que está intimamente ligada ao foco) é algo muito poderoso, por isso, se realmente intencionar que o cristal A ou B me vai proteger, acredito que isso realmente aconteça. Mas estará relacionado com o cristal em si ou com a minha intenção?

Acredito em energias e em algo superior e que realmente, de certo modo, sou afectada pelas energias que me rodeiam. Também eu, que trabalho num hospital, sinto-me várias vezes afectada por energias mais densas e gosto de fazer os meus rituais de limpeza. 

 

Mas neste momento, levo o assunto um pouco mais além disso…

Preocupo-me com a interferência dos outros na minha energia, mas será que me preocupo com a minha energia em primeira instância?

Preocupo-me em como me proteger e filtrar das energias e pensamentos dos outros, mas será que filtro o meu próprio pensamento?

Preocupo-me com algo externo que entra na minha bolha, mas será que me preocupo com os alimentos que ingiro, que são a maior percentagem de energia de interferência directa que realmente entra no meu corpo e ser?

 

Talvez me possa proteger do que me é externo e incontrolável, mas talvez possa induzir a minha energia e estado de espírito, que é realmente controlável.

Talvez possa reduzir as pessoas tóxicas da minha vida, mas talvez também possa filtrar e induzir os meus pensamentos de antemão.

Talvez se controlar o meu estado, aquilo que me parece tóxico deixe de o ser, talvez aquilo que me parece menos positivo deixe de me afectar.

Afinal talvez eu possa controlar primeiro a minha energia e estado de espírito e talvez aquilo que me rodeia ganhe o seu verdadeiro significado – aquilo que ME RODEIA.

 

E se acreditasse que sou imune a energias que me rodeiam, o que poderia mudar na minha vida?

 

E se acreditar que quem me rodeia me pode ajudar a evoluir também de alguma forma?

 

O que poderei eu fazer hoje para elevar o meu estado de espírito?

 

 

6 comentários

Comentar post