Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Simplesmente Simples

Qua | 26.12.18

Influencer - Será?

Cópia de E se cada pessoa me pudessse cnsinar alg

Está na moda a palavra Influencer. Nos meios de comunicação social a palavra Influencer aparece constantemente e hoje é sobre ela que reflito.

Há quem adore a palavra e encontre nela a designação para a sua área de atividade, e há quem a deteste e critique, porque “O que sabe uma blogger sobre a minha vida para dizer algo e me querer influenciar?”

 

Como em tudo existem vários prismas e formas de ver e viver essa palavra. Na minha miopia, a influência só existe se eu a permitir. Só eu assumo, ou não, as rédeas da minha vida e deixo que me influenciem. Defendo que posso e devo mostrar novos pontos de vista a quem me lê, pois assim darei liberdade a que cada leitor escolha qual a forma de pensar e estar que quer implementar na sua vida. Contudo, a palavra influenciar não me parece de todo uma conotação muito positiva, pois assumo alguém subordinado que se deixa levar por outro.

Ainda assim, isso não significa que se deva criticar alguém por mostrar A ou B ponto de vista nas redes ou na vida, pois a liberdade assim o permite, e se há algo que não gosto ou algo que não me identifico está tudo certo, é somente uma opinião de outra pessoa que em nada influencia a minha vida, mas isso não implica que vou criticá-la por se denominar Influencer, pois para ocorrer influência depende de 2 pessoas, em que uma se deixa de facto influenciar.

 

Defendo a liberdade e o empoderamento. Acredito que sou livre e devo tomar as rédeas da minha vida. Assim, o que posso acrescentar à minha vida recorrendo aos  chamados Influencers? Novas formas de pensar e estar. E que bom que posso sempre tentar ver as coisas e a vida de outro prisma. Se a influência ocorre ou não, isso já depende totalmente de mim. O poder está sempre em mim.

 

Com isto digo, mais amor e menos desamor, se não me identifico ok, mas isso não significa que vá criticar o outro.

Será que o que acontece nesta critica das redes sociais não acaba por ser o que acontece na minha vida em todas as suas áreas? Será que a constante crítica me trará algo de novo e de valor à minha vida?

Talvez enquanto critico o outro por se denominar Influencer esteja afinal a dar-lhe poder sobre a minha vida. Talvez esteja a entregar-lhe o meu poder.

O que vou fazer agora com este conhecimento e consciência?

 

5 comentários

Comentar post